Versão mais recente disponível: v1.6.3

Data de lançamento: 5 de Junho de 2018

Disponível para: Android, Windows, iOS, Linux, MacOSX, Blackberry, Symbian, Meego/Harmattan e Pandora.

Download da última versão: baixe aqui


Talvez muitos já conheçam o emulador Dolphin, um emulador que permite rodar grande parte dos jogos feitos para Nintendo Gamecube e Wii. Para quem não sabe, o Nintendo Gamecube foi um dos concorrentes do Playstation 2 na 6ª geração de consoles. Apesar do Playstation 2 sem duvida ter sido o console mais popular e mais vendido dessa geração (e todas até agora), o Gamecube ainda fez bastante sucesso, principalmente por seus exclusivos. É desconhecido pela maioria, mas o Playstation 2 possuía o hardware mais fraco entre os concorrentes, mas conseguiu se tornar popular inicialmente por ser sucessor do Playstation 1 e por ter sido fácil de ter seu sistema burlado, facilitando a pirataria.

O enorme ponto fraco do Gamecube foi não ter aderido ao DVD-ROM, o que o levou a usar mini discos com limitação de 2GB de armazenamento, o que impediu que vários títulos multiplataforma fossem lançados para o console. Os jogos multiplataforma lançados geralmente contavam com baixíssima qualidade nas texturas, pois foi necessário sacrificar a qualidade das imagens para caber nos discos. Mesmo o Gamecube não recebendo grandes títulos dessa geração, o Gamecube ainda conta com vários clássicos que marcaram a infância e adolescência de muitos jogadores, sem falar nos exclusivos de grande sucesso que apenas os consoles da Nintendo podem oferecer, sem dúvidas era sua principal arma contra os concorrentes.

O emulador Dolphin permite que você rode jogos desse console em seu computador e até mesmo em seu smartphone. Mas atenção: para rodar esse emulador é necessário muito mais do que um smartphone capaz de rodar PPSSPP. Mesmo os atuais chips mais potentes têm dificuldades em vários títulos, mas ainda sendo capazes de rodar muitos deles com ajuda de hacks. Jogos mais simples podem rodar até mesmo em chips intermediários sem muitos problemas. É possível até rodar games mais leves lançado para o Wii.

A versão do emulador para Android não atrai muito o interesse dos desenvolvedores principais, na verdade ela foi produzida por um pequeno grupo de desenvolvedores e hoje praticamente não sofre muitas alterações significantes. Praticamente uma ou duas pessoas ainda cuidam de uma coisa ou outra no projeto. O principal motivo disso, além da falta de poder dos smartphones atuais, é o que eu já venho dizendo em vários posts, a qualidade dos drivers das GPUs mobile é muito ruim. Isso causa um grande desinteresse para os desenvolvedores, pois muitas pessoas acham que os problemas causados por eles são culpa do emulador em si.

Além dos drivers, temos as limitações já esperadas de um dispositivo móvel, que é o controle de energia e temperatura. Para economizar bateria ou evitar altas temperaturas, muitas a velocidade do processador é limitada (não podendo atingir seu desempenho máximo) ou reduzida após algum tempo de uso. E isso faz com que a experiência em jogos, e principalmente emuladores, seja muitas vezes insatisfatória. O mercado vem trabalhando em processadores mais eficientes para minimizar esse problema, e nos últimos anos tem havido muita evolução.

Tirando esses problemas, o emulador está em um estágio muito avançado (versão 5.0), ou seja, é garantia de que a qualidade da emulação em hardwares que atendam seus requisitos. Os únicos Android que não sofrem por limitação de drivers são os dispositivos equipados com NVIDIA Tegra X1 (tablets ou TV boxes). Por ser um hardware antigo, ele possui um processador razoável comparado aos padrões atuais (baseado em um conjunto de núcleos Cortex-A57 e Cortex-A53), porém consegue um desempenho admirável graças aos seus drivers padrão NVIDIA, uma das duas maiores marcas no mercado de GPUs para jogos.

O Snapdragon 845, o chip mais potente da Qualcomm em 2018, conta com quatro núcleos baseados no Cortex-A75 a 2.8 GHz e mais quatro Cortex-A55 a 1.8 GHz. Seu desempenho no emulador pode ser considerado razoável, muitos jogos rodam em velocidade máxima, como o clássico Resident Evil 4 e uma grande parte dos jogos de Gamecube que rodam a 30 FPS, mesmo muitos deles contando com ajuda de hacks. Jogos que rodam a 60 FPS são um dos que dão mais trabalho para emular, e muitos deles não rodam bem nesse hardware, com poucas exceções.

Chips intermediários, como o Snapdragon 660 também mostram um desempenho interessante no emulador, assim como o Snapdragon 636, que é um pouco mais fraco. Como já expliquei em postagens anteriores, o que manda no emulador geralmente é o núcleo mais potente da CPU. Os chips Snapdragon 660 e 636 contam com núcleos Cortex-A73 em seus processadores, quatro a 2.2 GHz no 660 e dois a 1.8 GHz no 636. Emuladores não costumam levar tanta vantagem em grandes quantidades de núcleos do processador, portanto geralmente a diferença de desempenho entre ele se dá pela frequência (GHz).

O SoCs com processadores compostos por apenas núcleos Cortex-A53 ou Cortex-A55 muito dificilmente irão rodar jogos de forma satisfatória. Entre esses estão os chips de entrada, como por exemplo: a série Snapdragon 400, série Snapdragon 600 com numeração abaixo de 650. Não citarei modelos de outras marcas, como a Mediatek, pois até mesmo seus chips com Cortex-A72/A73 possuem desempenho muito baixo por conta das GPUs Mali (drivers ruins).

É possível que dentro de alguns anos tenhamos smartphones totalmente capazes de rodar a grande maioria dos jogos no emulador Dolphin sem grandes problemas, como é o caso do emulador PPSSPP hoje. Era impensável rodar jogos de PSP num smartphone anos atrás, e hoje vemos isso acontecer com muita facilidade. Mas não espere milagre com a tecnologia atual, caso tenha interesse de testar esse emulador, acesse o site oficial ou baixe a versão do emulador na Play Store. (Obs: necessário ter Android 64-bit).
Na hora de comprar um novo smartphone é sempre importante estudar as opções, principalmente se você procura tecnologias recentes e bom desempenho. Nessa postagem estarei dedicando uma parte maior para falar das opções que a Samsung tem oferecido, principalmente a linha J que é a mais vendida na América Latina toda. É fato que os smartphones Samsung possuem uma das melhores câmeras, eu não tenho o que reclamar do meu J7 2015 em questão de câmera, por ter sido um intermediário na época. Mas em questão de desempenho e recursos, os smartphones Samsung não são lá aquelas coisas. Antes de continuar, recomendo a leitura dos links abaixo:

Requisitos para rodar o PPSSPP
Resoluções de renderização do emulador PPSSPP: melhore a qualidade gráfica dos seus jogos

Exynos 7870 e a GPU Mali


A linha J e A aqui na América Latina vendem smartphones equipados com chips próprio da Samsung, linha Exynos. Seus smartphones topo de linha (S e Note) também contam com versões na linha Exynos, porém muito mais potentes, e cada geração conta com um chip novo. Mas na linha "intermediária", a Samsung vem lançando muitos smartphones praticamente reciclados. É muito comum em pleno 2018 ver (vários) novos celulares da linha J saindo com o Exynos 7870, um chip lançado em 2016, mas que continua sendo usado até hoje. Apesar de apresentar um desempenho até satisfatório no emulador, pode não ser muito bom em jogos em geral.

O chip conta com CPU 8 núcleos Cortex-A53 a 1.6GHz e GPU Mali T830 MP1. Em questão de CPU, podemos até dizer que é aceitável considerando as opções da concorrência. No entanto, é uma vergonha que a Samsung ofereça uma Mali T830 MP1, uma GPU bem fraca em comparação com a concorrente mais popular, a Qualcomm. A linha Snpadragon 400 (linha de baixo custo da Qualcomm) oferece nos modelos mais recentes GPUs até 3 vezes mais potentes (Adreno 505), nem vamos falar das GPUs contidas na linha 600...

Qualidade dos drivers vs emuladores


Além de tecnicamente a GPU Mali T830 MP1 ser mais fraca, os drivers oferecidos pela ARM possuem muitas falhas e bugs, que podem atrapalhar o desempenho, principalmente em emuladores. Muitas vezes esses péssimos drivers chegam até a impactar no desempenho da CPU, que é o hardware mais requisitado na emulação, eu citei um caso que aconteceu comigo na postagem anterior relacionado aos problemas de driver. Se tem uma coisa que eu recomendo por agora é evitar smartphones com GPUs Mali, pelo menos até esses problemas serem resolvidos.

O PPSSPP não é um emulador que sofre tanto com os drivers mal otimizados que temos no momento, pois não usa extensões muito complexas, diferente do Dolphin. Mas o Dolphin não é um emulador que rodaria bem nesses smartphones de baixo custo (bom, deveriam ser, se aqui não fosse o Brasil) de qualquer forma. Quando se compara chips potentes da Mediatek ou Exynos high-end equipados com GPUs Mali aos Snapdragon equipados com GPUs Adreno ou os próprios Mediatek com GPUs PowerVR, ambos rodando Dolphin, se vê uma diferença gritante, isso por conta da otimização do drivers da GPU. A PowerVR possui versões mais recentes de drivers com boa otimização para os recursos que o Dolphin precisa, isso porque um dos programadores do port do emulador para Android trabalha também como programador da PowerVR, mas infelizmente é uma GPU pouco encontrada no mercado.

Outras opções


Existem na mesma faixa de preço dos smartphones mais populares da Samsung (R$1.000), opções de outras marcas nacionais oferecendo chips Snapragon 450 (como o Moto G6), que já é superior ao Exynos 7870 em CPU e GPU, possuindo oito núcleos Cortex-A53 a 1.8GHz. Claro que se deve pesquisar bastante e analisar outras características do aparelho, cada um tem suas prioridades. Quando se fala de opções importadas, aí é que não tem comparação. É também muito fácil achar vários smartphones com Snapdragon 625 custando até menos que um J7 da vida. O 625 conta com oitro núcleos Cortex-A53 a 2.0GHz.

É possível comprar (já pronta entrega no Brasil) por volta de R$1.000 um Redmi Note 5 equipado com o Snapdragon 636, um chip que veio para se destacar entre os intermediários de entrada, contendo dois núcleos baseados no Cortex-A73 (high-end) e seis núcleos Cortex-A53, todos a 1.8GHz. Esses dois núcleos A73 fazem toda diferença em aplicativos pesados, principalmente emuladores. Com esse chip é possível até rodar alguns jogos no emulador Dolphin com boa velocidade, no PPSSPP nem se fala. A Adreno 509 é monstruosamente superior a qualquer Mali equipadas em um desses chips da Samsung. Esse chip supera o antigo Snapdragon 650 do Redmi Note 3 Pro, que foi muito comprado e elogiado pelos brasileiros.

A Samsung lançou recentemente dois novos chips conhecidos como Exynos 7885 e 7884. Se tratam de chips que também equipam dois núcleos Cortex-A73, de até 2.2GHz no 7885 e 1.6GHz no 7884 e mais seis Cortex-A53 de 1.6GHz em ambos. O 7884 se trata de um versão do 7885 com clock mais baixo. O nome 7884 não foi citado oficialmente no site da Sasmung, o único smartphone que o possui é o J7 Duo, que nas especificações diz apenas ter um octa-core de 1.6GHz.

É possível que o 7884 tenha sido versões do 7885 que não conseguiram atingir todo seu potencial, por isso tiveram o clock reduzido e foram colocados em um smartphone tão barato como o J7 Duo, sendo o J7 mais barato e com o processador mais potente. O 7885 e 7884 em termos de processamento, podem ser comparados ao Snapdragon 636, mas em questão de gráficos, eles são bem inferiores, possuindo uma Mali G71 MP2, muito inferior à Adreno 509.

Sem dúvida alguma, se sua intenção é rodar emuladores e jogos, a melhor opção é comprar um smartphone importado. Claro que tem seus pontos negativos, como a falta de garantia pelo fabricante, chance de ser taxado (caso importe), mas muitas vezes vale o risco. Quando se fala das opções mais potentes, a coisa fica ainda melhor, pois essas empresas oferecem smartphones com processadores de última geração com preço bem mais baixos que os vendidos aqui.

Espero que essa postagem tenha sido interessante e tenha te ajudado a escolher a melhor opção para rodar seus emuladores. Qualquer dúvida ou sugestão, deixe seu comentário.
Decidi criar essa postagem especificamente para discutir sobre o escalonamento de resolução do emulador PPSSPP e o impacto no desempenho em smartphones, já que quase qualquer placa de vídeo atual rodará o emulador tranquilamente em altas resoluções. Se você quer saber mais sobre o assunto, continue a leitura.

Como alguns já sabem, recentemente os servidores mais famosos que hospedavam arquivos de ROM foram fechados, incluindo o Emuparadise, o mais famoso e mais completo. Portanto agora fica muito mais difícil encontrar ROMs na internet. Aqui no Blog disponibilizei alguns jogos para download, mas muitos links encontram-se offline há muito tempo, e eu não tenho tempo para ficar sempre verificando, seja pela falta de tempo que estou tendo e também porque o site não tem a mesmo popularidade que tinha quando o emulador se tornou uma febre (entre 2013 e 2016), o número de visitas caiu muito, principalmente porque não tenho mais conteúdo para postar aqui, então o desânimo para atualizar o site bateu.

Inicialmente eu não compartilhava ROMs para download, então percebi que não tinha mais conteúdo para trazer e decidi colocar alguns jogos, mas trazer esse tipo de coisa requer muito trabalho e atenção, então decidi que vou remover esse conteúdo do Blog, mas quem se interessar pode usar o link que disponibilizarei abaixo, do Portal Roms, um site bem completo e com vários jogos para vários consoles em Torrent.

http://www.portalroms.com/

Neste Sábado (26/05), foi lançada a nova versão do emulador, v1.6, trazendo diversas melhorias que impactam diretamente no desempenho do emulador. Devido alguns bugs, a versão da Play Store demorará um pouco parar sair, mas quem quiser já pode baixar o APK no site oficial.

A seguir as mudanças presentes nesta nova versão:

-Backend OpenGL agora suporta corretamente o multithreading, dando um bom impulso de velocidade.
-Várias melhorias de desempenho no Vulkan (como # 10911) e correções na alocação de memória.
-Melhorias no desempenho do interpretador de comandos da GPU (# 10658).
-Várias correções para troca de aplicativos e widgets (# 10855) no Android.
-Correções de bugs e algumas melhorias de desempenho no compilador ARM64 JIT e no interpretador IR.
-Cache Shader habilitado para Vulkan.
-Várias correções no iOS, incluindo o JIT (# 10465) e o navegador de arquivos (# 10921).
-Compatibilidade aprimorada no Mac (# 10113)
-ID de correção de substituição de textura (nota: algumas texturas de 1.5.4 podem se tornar incompatíveis).
-Correções no multiplayer ad-hoc (# 8975).
-Suporte Vulkan no Linux / SDL (# 10413).
-Suporte Retroarch.

Como eu já venho falando há um bom tempo, a principal novidade desta nova versão é o multithreading OpenGL, que vai ajudar bastante processadores fracos a rodar o PPSSPP de forma muito melhor. Agora o emulador funcionará melhor em processadores dual-core ou mais núcleos, trazendo um desempenho, muitas vezes, próximo ao Vulkan.

Para baixar a última versão, acesse o site oficial: http://ppsspp.org/downloads.html
Seja bem-vindo(a)! Esse é um guia completo para iniciantes que querem entender todos os recursos contidos no emulador PPSSPP. O propósito deste guia é resolver das dúvidas mais simples até as mais complexas da maneira mais intuitiva possível.

Obs: As imagens abaixo estão em inglês porque também utilizarei as mesmas para o guia em inglês do fórum, porém o emulador já é traduzido para Português do Brasil. Tenha o emulador aberto para facilitar o entendimento.


Estou aqui para divulgar um trabalho muito legal de um dos acompanhadores (Phil Carlosvick é o nome dele no Facebook) da página do blog no Facebook que está criando um mod de texturas em HD para o God of War: Ghost of Sparta, o jogo que já tem um gráfico muito bonito e pode ficar ainda melhor com texturas de alta qualidade.

Esse é um pequeno vídeo que ele publicou mostrando como está o trabalho dele:


Como dá pra ver, está muito legal. Quem quiser saber mais entre em contato com ele no próprio canal ou procurá-lo no Facebook.
Decidi fazer esse post com os requisitos atualizados para rodar bem o PPSSPP no seu smartphone Android com o novo threading OpenGL. Graças a esse novo suporte, é possível rodar o emulador com desempenho muito melhor do que antes, esse suporte já está disponível nas novas builds.

Lembrando que não estou dizendo que hardware abaixo desses não rodarão o emulador, estou apenas citando os hardwares capazes de rodar com tranquilidade uma certa quantidade de jogos nas condições especificadas em cada caso.

Requisitos de CPU:

No mínimo núcleos Cortex A53 de 1.5GHz ou superior, é suficiente para rodar a maioria dos jogos a 30 FPS ou bem próximo disso. Alguns jogos 60 FPS, como Soul Calibur Broken Destiny, Ridge Racer 2, Dragon Ball Z Shin Budokai, entre outros, poderão ser jogados com bastante tranquilidade.

(EX: A grande maioria dos processadores Exynos nas linhas intermediárias J e A da Samsung, grande parte dos processadores Mediatek e Snapdragon 610, 615, 616 e 617)

Para jogos pesados, como GTA Vice City Stories, Tekken 6, Gran Turismo, recomenda-se núcleos Cortex A53 de 2.0GHz ou superior.

(EX: Chips Mediatek linha P20, Snapdragon 625 ou superior)

Os dois jogos da série God of War que rodam nativamente a 60 FPS, Midnight Club 3, entre outros, exigem uma CPU um pouco mais potente, equipada com núcleos Cortex A57 ou superior. Os núcleos Cortex A57/A72/A73 estão nos chips mais potentes e a grande maioria deles suportam a API Vulkan que é mais rápida do que OpenGL.

(EX: Linha Snapdragon 800 mais antiga, processadores anteriores ao 820, Snapdragon 650 ou superior, chips Mediatek linha X20, Exynos da linha high-end Samsung mais antiga, NVIDIA Tegra K1 ou X1)

Requisitos de GPU:

Uma GPU bem básica que está nos chips mais simples é a Mali T720, ela é capaz de rodar praticamente qualquer jogo na resolução 1xPSP, mas se você ainda tiver lags, provalmente seu processador não é potente o suficiente. Vários jogos ainda poderão ser jogados na resolução 2xPSP.

Se quer uma GPU mais garantida para resolução 2xPSP, precisará de uma Mali T830 ou superior, outra GPU básica que está nos chips um pouco mais recentes e é um pouco mais potente que a T720, em vários jogos ainda é possível arriscar 3xPSP que já é suficiente para garantir uma imagem um pouco superior à qualidade HD. O mesmo vale para GPUs Adreno da série 300 ou as 400 mais básicas.

Com a maioria Adreno das séries 400 e 500 (mid-end pra cima) e os modelos 320/330 serão capazes de rodar praticamente qualquer jogo na resolução 3xPSP, vários até mesmo na resolução 4xPSP, que é equivalente à qualidade Full HD. Outras GPUs no mesmo nível são Mali T760, Mali T880 e Mali G71, porém é bom lembrar que as GPUs Mali possuem muitas variações nas quantidades de núcleos e clock.
Agora o novo Gerenciador OpenGL já está disponível nas novas builds do Buildbot, acessível para todos os usuários. Agora usando a API OpenGL é possível utilizar mais de um núcleo do processador, enquanto antigamente não era possível. O aumento de desempenho varia para cada hardware, então teste agora mesmo e comprove a melhoria.

O jogo roda com mais ou menos 5 FPS a mais do que foi gravado, mas ainda assim o desempenho está melhor do que costumava ser antes desse novo gerenciador OpenGL que permite que mais de um núcleo do processador seja usado. Existem bugs gráficos que não existiam antes, porém nada muito grave.
Todos os Direitos Reservados para PPSSPP. Site criado em 25 de Janeiro de 2013. Tecnologia do Blogger.

Visualizações

Curtir o PPSSPP Brasil

Canal do YouTube

Seguidores